Quem retira sustento da floresta reclama medidas imediatas e apoios financeiros  |  | Rádio Ansiães

Produtores florestais reclamam medidas imediatas e apoios financeiros

Defendem também a aprovação das candidaturas que permitam limpar, ordenar e reflorestar

Na região transmontana reclamam-se medidas imediatas e apoios financeiros que ajudem os pequenos proprietários e comunidades baldias a limpar e ordenar uma floresta que pouco rendimento dá.

 

Há muitos que se dedicam a esta atividade que é considerada, cada vez mais, de alto risco e que, a qualquer momento, pode ser destruída por um incêndio.

 

Luís Carlos Santos, residente em Pegarinhos, Alijó, admite estar pouco informado sobre a nova reforma florestal, mas a sua opinião é clara: a forma de proteger a floresta é limpá-la e criar aceiros que travem a propagação dos fogos:

 

 

Luís Carlos Santos é resineiro, paga renda pelos pinheiros e diz que teve enorme prejuízo com um incêndio recente:

 

 

Para Licínio Costa, presidente da Assembleia de Compartes do baldio de Tourencinho, no concelho de Vila Pouca de Aguiar, as medidas aprovadas pelo Governo respondem aos problemas diagnosticados, como a deficiente gestão da floresta, a falta de ordenamento e de limpeza, e o desconhecimento quanto aos proprietários de muitos terrenos. No entanto, considera que são medidas que terão efeito a médio e longo prazo e, por isso, reclama medidas de efeito imediato:

 

 

António Marques, presidente da Associação Florestal do Vale do Douro Norte, sediada em Murça, diz que vai ver no que dá a reforma da floresta, mas defende que o mais importante é o Programa de Desenvolvimento Rural 2020 e a aprovação das candidaturas que permitiriam limpar, ordenar e reflorestar:

 

 

Armando Carvalho, dirigente da Federação Nacional dos Baldios (Baladi), com sede em Vila Real, sublinha que se não houver dinheiro não há reforma:

 

 

Só a Baladi submeteu cerca de 30 candidaturas, para reflorestação ou gestão de manchas de regeneração natural, para pontos de água e redes primárias, que foram todas reprovadas.

 

Peça: Rádio Ansiães

Foto: Direitos Reservados

Quem retira sustento da floresta reclama medidas imediatas e apoios financeiros  |  | Rádio Ansiães