• Barragem_tua_01.jpg
  • Barragem_tua_03.jpg
  • Barragem_tua_04.jpg
  • Barragem_tua_05.jpg
  • Barragem_tua_06.jpg
  • Barragem_tua_07.jpg
  • Barragem_tua_08.jpg
  • Barragem_tua_09.jpg
  • Barragem_tua_10.jpg

A barragem do Tua está concluída e começa a produzir no verão

 

Segundo fonte oficial da EDP, "estão apenas em curso trabalhos de acabamentos ao nível do coroamento e do acesso". Relativamente à central hidroelétrica, desenhada pelo arquiteto Souto Moura, a construção "está igualmente concluída". Já foram iniciados os "ensaios para colocação em serviço das turbinas-bomba e em tensão da subestação". Paralelamente estão a decorrer trabalhos de acabamentos nos pisos e nos edifícios de apoio. "Está previsto que a maioria dos trabalhos termine no verão de 2017", salienta a fonte, acrescentando que atualmente ainda há 800 trabalhadores envolvidos. Para breve está prevista a "produção de energia em ensaios". Só depois se iniciará a operação comercial dos dois grupos turbina-bomba, o que deve ocorrer durante o "verão de 2017". Segundo a EDP, o enchimento da albufeira está em curso. Faltam "cerca de nove metros" para atingir a cota 170 metros e, consequentemente, o nível de pleno de armazenamento. 

 

Texto e Fotos: Eduardo Pinto



Com as amendoeiras em flor, Vila Nova de Foz Côa está de novo em festa. Três fins de semana recheados de atividades e muita animação. Abertura oficial sexta-feira, 24 de fevereiro, 21:30 horas, com a atuação, no centro cultural, do Fado Fozcoense. Sábado, 25, às 16:00 horas, há tunas na Praça do Município, às 21:30 Quim Barreiros atua no Pavilhão da Expocôa e a Kilimanjaro Band encerra a noite. Domingo, 26, às 9:00 horas realiza-se a Feira de Produtos Regionais de São Martinho, em Seixas; às 15:00, o centro cultural acolhe os Fiarresgas e às 16:00 há ZumbaCarnaval na Praça do Município.

 

Programa de Carnaval em Carrazeda de Ansiães: Sexta-feira, 24 de fevereiro, 15:00 horas, desfile das escolas pelas ruas da vila. Terça-feira, 28, 15:00 horas, desfile das associações e instituições do concelho. Às 20:00 horas, a Associação de Zíngaros transporta o pai da fartura para a fonte das sereias, onde será julgado. Segue-se a marcha fúnebre para ser rebentado junto ao Centro de Apoio Empresarial (antigo mercado) onde depois vai haver baile de carnaval. Organização: Município de Carrazeda e Associação de Zíngaros.

 

O Museu da Memória Rural de Vilarinho da Castanheira, em Carrazeda de Ansiães, convida-o para um workshop de queijo artesanal. Domingo, 26 de março, com início marcado para as 15 horas. Inscrições gratuitas, até 18 de março, na Loja Interativa de Turismo através do endereço de correio eletrónico lit@cmca.pt ou pelo telefone 278 098 507.

 

Até 26 de março, está patente na Galeria de Exposições do Auditório Municipal de Murça a exposição "E Pur Si Muove", da autoria de Rui Duarte.

 

No Centro Cultural Municipal Adriano Moreira, em Bragança, estão patentes as exposições "Cá se fazem cuscos!" e "Galandum Galundaina - 20 anos". Os "cuscos" são pequenas bolinhas de farinha, cozidas a vapor numa cuscuzeira e postas a secar ao sol para se conservarem muito tempo, que ainda hoje se confecionam em algumas aldeias de Bragança. Os Galandum Galundaina, grupo de música tradicional mirandesa, têm contribuído, nos últimos 20 anos, para o estudo, preservação e divulgação da identidade cultural das Terras de Miranda, Nordeste Transmontano. Em 2010, além do Prémio Megafone, o seu álbum "Senhor Galandum" foi reconhecido pelos jornais Público e Blitz como um dos dez melhores álbuns nacionais.

 

O Museu da Vila Velha, de Vila Real, tem patente, até 31 de março, "Sobre-Posições", uma exposição fotográfica que apresenta trabalhos da vila-realense Inga Freitas.

 

Também até ao final de março, Rafael de Miguel expõe em Freixo de Espada à Cinta. É um conjunto de 25 pinturas subordinadas ao tema "Cor", num estilo realista nem sempre figurativo.

 

No Museu do Imaginário Duriense, em Tabuaço, está patente, até ao final deste mês, uma exposição de pintura da autoria de Angelina Lemos.

 

O Museu da Terra de Miranda, em Miranda do Douro, apresenta uma exposição de fotografia denominada "8 Espaços para 7 Olhares". A mostra insere-se no projeto Rota das Catedrais do Norte de Portugal e apresenta propostas de Egídio Santos - Concatedral de Miranda do Douro; Inês d'Orey - Sé de Viana do Castelo; Luís Ferreira Alves - Sé Catedral do Porto; Paulo Alegria – Sé Catedral de Lamego; Paulo Pimenta - Sé Catedral de Braga; Pedro Lobo - Sé de Vila Real; Rita Burmester - Antiga Sé de Bragança e nova Catedral de Bragança.

 

"Brincar e ser Feliz" é o tema da exposição para ver, até ao fim de março, no Centro Cultural dos Condes de Vinhais. Os visitantes são convidados a entrar no mundo das bonecas de Odete Rodrigues, a artista com raízes no concelho transmontano, que foi polícia em Lisboa e regressa para mostrar as suas obras. Também até ao final de março, no mesmo espaço, pode apreciar a exposição "Máscaras Transmontanas de Amável Antão. 

Texto: Rádio Ansiães