Marcelo Rebelo de Sousa quer mais investimentos em Trás-os-Montes |  | Rádio Ansiães

Marcelo Rebelo de Sousa quer mais investimentos em Trás-os-Montes

O chefe de Estado diz que não pretende discriminar outras regiões do país, mas entende que o interior norte precisa de uma atenção especial do Governo para estancar a hemorragia populacional e gerar riqueza.

O presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, defendeu ontem, em Alfândega da Fé, que mais do que uma Unidade de Missão para a Valorização do Interior, criada pelo atual governo, é necessário criar um grupo de ação preocupado especificamente com a região de Trás-os-Montes e Alto Douro.

 

Uma ideia que o chefe de Estado tinha sublinhado no início da visita à região, na passada segunda-feira, em Santa Marta de Penaguião, quando defendeu uma Unidade de Missão para o Douro.

 

Em Alfândega da Fé, frisou que o ideal era abranger toda esta região e que se deveria começar a trabalhar nesse sentido o quanto antes, de forma a canalizar mais fundos comunitários para esta zona do país:

 

 

O Presidente da República apelou ainda à união entre autarquias, organismos do Estado e populações, de forma a gerar mais investimento nesta região:

 

 

Marcelo Rebelo de Sousa foi recebido por um banho de multidão, em Alfândega da Fé, onde durante uma hora distribuiu centenas de beijos, à semelhança do que tem vindo a acontecer em todo o lado por onde passa.

 

O chefe de Estado tinha estado antes na fábrica de cogumelos SousaCamp, em Benlhevai, Vila Flor, onde, de navalha na mão, preparou cogumelos crus e comeu-os.

 

De manhã, na passagem por Bragança, o Presidente da República disse que patrocina o projeto do museu da língua portuguesa que está previsto para a capital de distrito:

 

 

Adriano Moreira mostrou-se comovido com o apoio do presidente e explicou que não é apenas seu o mérito do desenvolvimento deste projeto:

 

 

Antes da passagem pelo Museu do Abade de Baçal, Marcelo Rebelo de Sousa fez uma visita aos Bombeiros Voluntários de Bragança, onde entregou à corporação a distinção da Ordem de Fénix, que foi atribuída pela Liga dos Bombeiros Portugueses, e a medalha de mérito de proteção e socorro do Ministério da Administração Interna, ambas a propósito dos 125 anos comemorados no passado sábado.

 

Peça: Rádios Ansiães e Brigantia

Foto: Eduardo Pinto

Marcelo Rebelo de Sousa quer mais investimentos em Trás-os-Montes |  | Rádio Ansiães